quarta-feira, 17 de maio de 2017

A “guerra” dos spreads baixos no crédito à habitação continua ao rubro

Está ao rubro a guerra dos spreads no crédito à habitação. Os portugueses, que optam tradicionalmente por comprar casa em vez de arrendar, estão a “ter a ajuda” da banca para avançarem com a decisão de pedir financiamento para a aquisição de casa. Os bancos, por seu turno, têm vindo a baixar os spreads cobrados ao longo do tempo. Agora foi a vez do Novo Banco e do BPI reduzirem esta taxa nos últimos dias.
Segundo o Jornal de Negócios, o spread médio baixou para 1,5%, isto depois do Novo Banco e do BPI terem decidido descer a margem de lucro cobrada nos novos contratos de crédito à habitação. Recentemente, em março, o Santander igualou o spread do Bankinter, que detinha o valor mais baixo do mercado (1,25% para clientes “normais”).
 fonte: Idealista News

Sem comentários:

Publicar um comentário